Feira de Santana

Simulado de acidente e atendimento padrão SCI na UEFS

Durante uma exibição, o piloto de um avião errou na manobra de um mergulho em parafuso e caiu sobre a plateia que assistia ao espetáculo. Dezenas de pessoas ficaram feridas – em todos os estágios, óbitos foram registrados. O pânico foi instalado.

O acidente de mentirinha ‘aconteceu’ na área de treinamento da UEFS, na manhã deste sábado, 14, como parte prática do SCI (Sistema de Comando de Incêndio), que aconteceu na instituição nos últimos três dias e destinado às forças de segurança que agem nesta situação.

O simulado foi considerado positivo pelos organizadores e cumpriu os seus objetivos, que é treinar o pessoal para que cada um saiba como e quando agir em caso de sinistro.

Treinamentos devem acontecer para preparar forças públicas

CAPACITACAO%20%20CIDEM%20 %20TEN%20CEL%20JULIO%20NASCIMENTO%20 %20FOTO%2009%20POR%20CAU%20PRETO - Simulado de acidente e atendimento padrão SCI na UEFS

“Os treinamentos devem acontecer para que as forças públicas estejam devidamente preparadas e integradas”, diz o tenente-coronel do Corpo de Bombeiros, Antônio Júlio Nascimento Silva (foto), facilitador do curso, que fez a narração do atendimento aos feridos, que contextualizou os presentes.

A ação, em um cenário real, busca salvar o maior número de pessoas feridas no acidente. Os bombeiros são os primeiros a trabalhar para apagar o fogo – caso exista. O evento é preparatório para a simulação marcada para o III CIDEM, que acontece no próximo mês, em Feira de Santana.

O que se busca com este treinamento, analisa o prefeito Colbert Filho, que é médico, “é coordenar este tipo atendimento prestado sob tensão e muita pressa para que os resultados positivos sejam alcançados. Daí a necessidade do treinamento”. Ele esteve na UEFS, onde é professor licenciado.

Fonte: Secom Feira de Santana e Foto: Cau Preto

Mostre mais

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Close