BahiaCopa AméricaTurismo

Copa América e São João impulsionam turismo na capital baiana

Uma das cidades-sede da 46ª edição da Copa América, Salvador também reúne ampla programação para os festejos juninos. A união dos eventos vem garantindo ruas cheias de turistas locais e estrangeiros, com perspectiva de aquecimento na economia para o período, na capital baiana.

Na manhã deste sábado (15), três voos oriundos da Argentina pousaram no Aeroporto Internacional de Salvador e um receptivo, montado pela Secretaria de Turismo do Estado (Setur), deu as boas-vindas aos visitantes. “A chegada dos torcedores de fora, aliada à realização do São João, uma festa que acontece em praticamente os 417 municípios baianos, solidifica a cultura e alavanca a economia em toda a Bahia”, afirma o titular da Setur, Fausto Franco.

A rodoviária também vai contar com receptivo especial. Nos postos de informações, turistas que chegam por ar e por terra terão à disposição profissionais treinados para o atendimento, capazes de fornecer informações precisas sobre roteiros. A programação de São João no Pelourinho, Paripe e Periperi também será fornecida.

Quem vai ao Pelourinho se depara com um colorido especial. As cores do casario do sítio histórico ganharam o reforço da tradicional decoração junina, além das bandeiras e camisas das seleções dos torcedores que aproveitam a Copa América para conhecer o local. Pela primeira vez em Salvador, o turista colombiano Alípio Cortês conta que “sempre se interessou pela cultura do Brasil e da Bahia” e que uniu o útil ao agradável ao pensar um roteiro de visitas nos dias em que permanecer na capital para assistir aos jogos.

Policiamento especializado

Alípio e todos os turistas que circulam pelo Pelourinho e também pela Barra, Bonfim e Rio Vermelho contam com a cobertura da 3ª Companhia do Batalhão Especializado de Polícia Turística (Beptur). Com 88 policiais, alguns deles fluentes em inglês, espanhol, francês, italiano e até basco, a unidade tem expertise em atuar durante a realização de grandes eventos.

“Atuamos nas copas do Mundo e das Confederações e nosso efetivo está apto a atender esse tipo de demanda em qualquer momento do ano. O que muda agora é o policiamento focado, em pontos como hotéis e pontos turísticos”, destaca o tenente Denison Ferreira.

Os investimentos em segurança, no período dos jogos, somam R$ 3 milhões e consistem, principalmente, no pagamento de horas extras para policiais e bombeiros que atuarão na capital. Mais de 11 mil profissionais vão garantir a segurança dentro e fora da Arena. Os policiais do Beptur se dividem em escalas de plantão, 24 horas por dia, para não deixar o visitante desamparado.

A Arena Fonte Nova vai receber cinco jogos da Copa América: Argentina x Colômbia (sábado, 15); Brasil x Venezuela (quarta-feira, 18); Equador x Chile (sexta-feira, 21); Colômbia x Paraguai (domingo, 23); e partida válida pelas quartas de final (sábado, 29).

Repórter: Renata Preza

Mostre mais

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Close