Esportes

Vitória empata com o Criciúma fora de casa e fica fora do Z4 da Série B

No segundo jogo consecutivo fora de casa, o Vitória não conseguiu repetir o feito o duelo com o Cuiabá. Nesta terça-feira (15), o Rubro-Negro também saiu atrás no placar, mas desta vez só conseguiu arrancar um empate de 1 a 1 com o Criciúma.

Sandro inaugurou o marcador para o Tigre no primeiro tempo. Felipe Gedoz, de falta, deixou tudo igual na etapa final.

O ponto fora de casa foi comemorado pelo time baiano, que ganhou uma posição na classificação. O Leão foi aos 33 pontos, ultrapassou o Vila Nova e assumiu a 15ª colocação, dois pontos acima do Z-4.

Os comandados do técnico Geninho voltam a campo na próxima sexta-feira (18), diante do Londrina, no Barradão.

PRIMEIRO-TEMPO

O Vitória começou melhor e quase marcou no primeiro minuto. Após troca de passes no setor ofensivo, Lucas Cândido chutou de fora da área e o goleiro espalmou para evitar.

Na cobrança do escanteio, Ramon fugiu da marcação, ficou livre, mas furou o chute e desperdiçou a chance dentro da área.

O criciúma respondeu aos 14 minutos. Após cruzamento na área, Léo Gamalho desviou de cabeça e Martín fez grande defesa. No rebote, Andrew tentou completar, mas o goleiro fez outra bela defesa.

O Vitória sumiu no jogo e viu os donos da casa crescerem. Aos 32, o Tigre chegou ao gol.

Ramon tentou sair driblando da área e perdeu a abola para Léo Gamalho. O atacante tentou finalizar, mas a bola desviou na zaga e saiu na linha de fundo. Após a cobrança de escanteio, a bola foi levantada na área, Thales desviou de cabeça e Sandro apareceu livre para mandar na rede e abrir o placar.

O time catarinense ainda chegou perto de aumentar aos 44. Daniel Costa cobrou falta colocada e acertou o travessão de Martín.

SEGUNDO-TEMPO

O Vitória votou para o segundo tempo com duas mudanças. Geninho tirou Lucas Cândido e Felipe Garcia, e colocou Romisson e Eron.

No primeiro minuto, o time baiano quase marcou. Em cobrança de falta, Carleto mandou uma bomba e Bruno Grassi espalmou.

Aos nove minutos, o Leão assustou mais uma vez. Em cobrança de falta, Carleto acertou o travessão.

Aos 14, o Vitória teve sua melhor chance até então. Gedoz deu belo lançamento para Jordy, que ficou de cara para o goleiro, mas não conseguiu finalizar e se chocou com Bruno Grassi.

Cinco minutos depois, Geninho fez sua última mudança. Ele sacou Jordy para a entrada de Anselmo Ramon.

No minuto seguinte, o Rubro-Negro chegou ao empate. Gedoz cobrou falta e acertou o canto de Bruno Grassi para marcar.

Aos 23 minutos, Anselmo Ramon recebeu lançamento na área, dominou no peito e caiu no gramado reclamando de um puxão do zagueiro. O árbitro não marcou o pênalti.

Aos 35, o Criciúma quase marcou o segundo. Após cobrança de escanteio, a zaga do Vitória falhou, Reinaldo dominou e tocou para a defesa de Martín com o pé.

Aos 41, após cobrança de falta, Martín dividiu bola com Eduardo e Reinaldo mandou no rebote para o gol. Erradamente, o assistente anulou o gol do Criciúma.

Criciúma 1 x 1 Vitória
Série B – 29ª rodada

Local: Estádio Heriberto Hülse, em Criciúma (SC)
Data: 15/10/2019
Horário: 19h15
Árbitro: Felipe Gomes da Silva (PR). Assistentes: Luiz Souza Santos Renesto (PR) e Weber Felipe Silva (PR)
Cartões amarelos: Carleto, Wesley (VIT); Jean Mangabeira (CRI)
Gols: Sandro (CRI); Felipe Gedoz (VIT)

Criciúma
Bruno Grassi (Gianezi); Andrew, Sandro, Thales e Marlon; Jean Mangabeira, Eduardo, Wesley e Daniel Costa (Reinaldo); Vinícius (Reis) e Léo Gamalho. Técnico: Roberto Cavalo.

Vitória
Martín Rodríguez; Van, Ramon, Everton Sena e Carleto; Léo Gomes, Lucas Cândido (Romisson) e Felipe Gedoz (Eron); Wesley, Felipe Garcia e Jordy (Anselmo Ramon). Técnico: Geninho.

 

Fonte: Galáticos

Mostre mais

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Close