Feira de Santana

Supermercados em Feira de Santana limitam nº de pessoas nos estabelecimentos para evitar aglomerações

Em alguns mercados, clientes são recebidos por funcionários que limpam as mãos deles e higienizam carrinhos de compras.

Os supermercados da cidade de Feira de Santana, adotaram medidas para garantir o abastecimento e, ao mesmo tempo, evitar aglomerações durante a pandemia de coronavírus. O município foi o primeiro da Bahia a registrar um paciente contaminado com o Covid-19.

Nos mercados da cidade, só podem ficar, no máximo, 50 clientes simultaneamente. Em alguns estabelecimentos, os clientes chegam e já são atendidos por funcionários que passam álcool em gel nas mãos dos clientes e higienizam carrinhos.

De acordo com o presidente da Associação dos Agentes de Distribuição da Bahia (ASDAB), Roque Santos, as medidas seguem orientação da Secretaria Municipal de Saúde.

“Todas as redes, todos os mercados pequenos devem seguir essa orientação, como higienizar o carrinho, manter a distância entre os clientes. A população não deve ficar preocupada. Os produtos são limitados por clientes, evitando que o cliente leve em excesso. A gente tem conversado com distribuidoras, com o governo do estado e, nesse momento, não há risco de desabastecimento”, garantiu Roque.

Até a manhã desta quarta-feira (25), a Bahia havia registrado mais de 70 casos confirmados do coronavírus.

Fonte G1 Bahia

Mostre mais

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Close