Feira de Santana

Mais de 70 estabelecimentos fechados pela força-tarefa da Prefeitura visando evitar aglomerações

Uma força-tarefa montada pela Prefeitura de Feira de Santana está fiscalizando, em bairros e distritos, desde o fim de semana, o funcionamento indevido de estabelecimentos comerciais, bares, restaurantes e até mesmo atividades esportivas – tudo que possa provocar aglomerações e contribuir para a disseminação do coronavírus no município. A medida, adotada pelo prefeito Colbert Martins Filho, conta com a participação de vários órgãos governamentais, municipais e estaduais, principalmente a Polícia Militar, parceira fundamental neste trabalho.

Mais de 70 estabelecimentos, maioria bares e restaurantes (só podem atender por meio de delivery), foram fechados pela força-tarefa, até a tarde desta segunda-feira, 25, por desrespeitarem os protocolos de proteção sanitárias estabelecidos no Decreto Municipal 11.571, de 18 de maio de 2020. Outros 7, interditados, pois simplesmente não tem autorização para funcionar nesse período de restrições. Três aparelhos de som automotivo, cinco equipamentos portáteis de uso comercial e um residencial foram apreendidos pela operação Feira quer Silêncio, da SEMMAM, que integra a força-tarefa desde a noite de domingo.

A operação executada pela Prefeitura de Feira de Santana conta com a participação das secretarias de Trabalho, Turismo e Desenvolvimento Econômico; Prevenção a Violência e Promoção dos Direitos Humanos; Saúde; Meio Ambiente; Transportes e Trânsito; Serviços Públicos e Administração, além do Procon, Procuradoria Geral e Superintendência de Trânsito. Todos contando com o imprescindível suporte da Polícia Militar, através de vários de seus aparatos.

“Montamos uma grande equipe, diante de uma operação que é estratégica neste momento para a população. Além de todo o time do Governo Municipal, contamos com a presença da Polícia Militar, de extrema importância, para este trabalho. Agradecemos ao comandante da Regional Leste da corporação, o coronel Luziel Andrade, por participar de maneira tão dedicada e comprometida”, diz o prefeito Colbert Filho.

A operação continua durante toda a semana, especialmente em razão de decretos do Estado e do Município, que determinam a antecipação de três feriados, observados nesta segunda, terça e quarta-feira, além das restrições ao funcionamento exclusivo de serviços considerados essenciais na quinta e sexta. O prefeito, que é médico e especialista em Epidemiologia, considera este um período em que a sociedade precisa “colaborar muito mais, para que possamos efetivamente deter a curva de infecção da Covid-19, que elevou-se nos últimos dias”.

 

Fonte: Secom Feira de Santana

Mostre mais

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Close