BrasilGoverno

Bolsonaro diz que ‘está proibido’ falar em Renda Brasil

Presidente diz que dará "cartão vermelho" a membro do governo que propor assunto

O presidente Jair Bolsonaro foi às redes sociais para anunciar que desistiu de lançar o programa Renda Brasil, uma reformulação do Bolsa Família. O anúncio foi feito após reunião de última hora com Guedes no Planalto. Governo também deve estender a desoneração da folha de pagamento para outros setores. ​Em vídeo no Twitter, o presidente ameaçou com “cartão vermelho” integrantes da equipe econômica que defenderem medidas como o corte de benefícios de aposentados e deficientes.

A informação foi divulgada nesta terça-feira (15) pela imprensa. O corte iria possibilitar uma diminuição das despesas para abrir espaço orçamentário no teto de gastos para encaixar a expansão do Bolsa Família e, consequentemente, a criação do Renda Brasil. “Até 2022, no meu governo, está proibido falar a palavra Renda Brasil. Vamos continuar com o Bolsa Família. E ponto final”, declarou Bolsonaro.

Mostre mais

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Close