BahiaEleições

Balanço da SSP aponta mais de 210 flagrantes de crimes eleitorais durante eleições na Bahia

Entre os crimes, estão compra de votos, boca de urna, transporte de eleitores, abuso de autoridade e desobediência.

Um balanço divulgado pela Secretaria de Segurança Pública (SSP-BA) apontou que foram registrados na Bahia, durante o domingo (15) de eleições, 215 flagrantes de crimes eleitorais.

Entre os delitos, estão compra de votos, boca de urna, transporte de eleitores, abuso de autoridade e desobediência.

Ainda segundo a SSP-BA, os casos foram registrados em cidades do interior e da região metropolitana de Salvador. A capital baiana não teve nenhum registro de crime eleitoral. A polícia contabilizou 210 casos nos municípios do interior e cinco crimes eleitorais na RMS. Os autores foram apresentados à Justiça Eleitoral.

Um dos casos ocorreu em Ibicaraí, no sul do estado. Lula Brandão (PSD), o atual prefeito, mas que não conseguiu se reeleger, foi detido por suspeita de compra de votos. A informação foi confirmada pelo juiz eleitoral da cidade, Alex Miranda.

Também no sul do estado, duas ocorrências de crimes eleitorais foram registradas em Porto Seguro. Em um deles, um candidato a vereador foi pego com R$ 3 mil em espécie e cestas básicas em Arraial D’Ajuda. No outro, ocorrido no bairro do Baianão, um homem fazia transporte ilegal de eleitores e praticava também o crime de boca de urna.

Em Correntina, oeste da Bahia, dois homens, um deles candidato a vereador, foram conduzidos para a delegacia por suspeita de compra de votos.

Fonte G1/BA

Mostre mais

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Close

Adblock Detected

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios