Feira de SantanaPolícia

Polícia Militar avisa sobre golpe Pix praticado em Feira de Santana

Comandante da 64ª Companhia Independente alerta para que comerciantes fiquem atentos.

A 64ª Companhia Independente de Polícia Militar, vem, através desta, em nota, informar aos lojistas e comerciantes locais, sobre o surgimento de um novo golpe: Golpe Pix.

Após recebermos a informação de dois casos ocorridos em estabelecimentos do Ramo de Pet Shops e Setor Agropecuário, no qual, as vítimas relataram a ação delituosa dos criminosos os quais ligam para o telefone fixo ou móvel fornecido pelo estabelecimento em sites, redes sociais ou até mesmo estampados em fachadas dos estabelecimentos ameaçando cometerem ato criminoso como roubo, latrocínio ou qualquer outro ato que provoque intimidação à vítima do golpe, relatando estarem à espreita e agirem de imediato caso se neguem a efetuarem a transferência do valor exigido.

Após uma das vítimas ter cedido a chantagem criminosa, nos contactou e relatou todo o fato, infelizmente, já havia transferido a quantia exigida, sendo lesada de maneira a não conseguirmos evitar a tempo tamanho dano ao mesmo. Alertamos que o golpe ocorreu nos setores citados, mas pode ser estendido a outros Ramos do Comércio local.

Segundo informações, o número utilizado pelos criminosos tem DDD de outro estado, o que os impede de agirem conforme ameaçam. Orientamos a todos, que na recorrência do fato, mantenham a calma, acionem imediatamente a Polícia Militar, através do número 190 ou caso ocorrendo nas imediações do centro – Área Comercial do Centro da cidade de Feira de Santana, contacte-nos pelo telefone (75)9222-7222 , antes de tomarem quaisquer medidas precipitadas, cientes de que já estamos a par da situação, empenhando esforços mútuos para cessar os autores do referido golpe.

 

LILIAN CONCEIÇÃO NASCIMENTO – MAJ PM Comandante da 64ª CIPM

Mostre mais

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Close

Adblock Detected

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios