BahiaEconomiaTransporte

Passagem aérea em Salvador ficou 159,5% mais cara, diz IPCA-15

Capital baiana foi a que teve o maior aumento entre as cidades brasileiras, aponta índice do IBGE

Entre as capitais brasileiras, nos últimos 12 meses, Salvador foi a cidade com maior aumento no preço das passagens áreas. No acumulado do período, viajar de avião ficou 159,5% mais caro. Isso é o que dizem os dados divulgados nesta sexta-feira, 24, pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), por meio do Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo-15 (IPCA-15). Na outra ponta, Belém foi a que teve o menor aumento: 49,93%. No Brasil as passagens sofreram uma alta de 123%.

Mês a mês, o preço das passagens aéreas cresceu 11,36% na prévia de junho e foi o subitem dentro de transportes com a principal alta entre maio e junho deste ano. No acumulado de 2022, o valor dos bilhetes aéreos subiu 3,6%.

A estimativa da Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC) é que o preço das passagens aéreas no Brasil deve continuar aumentando nos próximos meses, com previsão de alta entre 5% e 10% no valor pago pelo consumidor. As principais causas do aumento, de acordo com a CNC são o aumento da demanda por voos e do elevado custo do querosene de aviação.

 

Fonte: A Tarde Reprodução

Mostre mais

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Close

Adblock Detected

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios